Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Vale Tudo

É raro, muito raro haver programas de televisão portugueses que eu ainda veja. Excepção para o Alta Definição, que gosto muito, e o Portugueses no Mundo (excelente!) e... pouco mais, sou franca. O meu tempo à frente da televisão é passado a ver séries do AXN, da Fox e filmes que vou apanhando. Não é snobeira nem cagança, já vi muita trampa, já vi muita novela na vida (agora enjoei mas o regresso das Páginas da Vida está a fazer-me cair em tentação), e não me caíram os parentes na lama. Mas no que toca a programas... acho um saco. Ou são frenéticos demais, ou parados demais, ou exploram pessoas assim ou pessoas assado, há malta barraqueira até mais não... enfim, cansei.
O Vale Tudo, que estreou ontem na SIC, encheu-me as medidas. Para já tem o Manzarra. E só o Manzarra já é muito, que apresentador mais top não há. Divertido, inteligente e, sobretudo, genuíno. A gente vê que aquilo que ali está não há-de estar muito longe daquilo que ele é, na vida de todos os dias, fora do écrã. Depois, tem jogos mesmo giros que, não sendo novos (adivinhar palavras por mímica, expressões por mímica, adivinhar a palavra proibida), têm sempre graça. Agora... posso dizer-vos que quase sufoquei com as minhas gargalhadas por ver o César Mourão, a Luciana Abreu, o João Ricardo e a Dalila Carmo dentro de uma casa inclinada (mas filmada como se estivesse direita), todos a escorregarem para cima uns dos outros enquanto tinham de representar... o que eu me ri. Se calhar não volto a rir-me assim com outros casos (o César Mourão também é imbatível), mas ontem chorei literalmente a rir. E que saudades eu tinha de chorar a rir! Quer-me parecer que a SIC tem ali uma bela aposta para os domingos à noite e para quem, como eu, não consegue ver A Casa dos Segredos (também podemos sempre ler, ou fazer o amor, por exemplo, que são actividades de grande interesse...).



24 comentários

Comentar post

Pág. 1/3