Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Uma pessoa ausenta-se um bocadinho para tratar de assuntos familiares e quando regressa está tudo num pandemónio

Ontem foi um dia especial, intenso e, por isso, estive completamente arredada do mundo. Hoje acordei ressacada do dia de ontem mas, infelizmente, não pude ficar a reflectir sobre os encontros e desencontros da vida e às 9h já tinha ido levar os miúdos à escola e estava a caminho da primeira reportagem do dia. Depois, fui buscar o Manel à escola, almocei num instante, e fui fazer o segundo trabalho do dia.
Foi só há minutos que me sentei a ler coisas e que dei com uma nova polémica nas redes sociais. Não sabia de nada. Pelo que percebi, a Pipoca falou mal da roupa de uma portuguesa que tinha ido aos Óscares, depois percebeu que a pessoa em questão tinha uma doença grave e que tinha ido à cerimónia pela mão da Make a Wish Foundation. Compreendendo que seria cruel atirar pedras a quem já tem percorrido um longo caminho cheio delas, pediu desculpa e removeu o post. Estou a ir bem? Foi isto, não foi?
Pronto. Sucede que, de seguida, choveram comentários a desfazer na Pipoca, que era uma insensível, uma besta quadrada, uma isto e uma aquilo porque a miúda estava doente e ela, sem dó nem piedade, tinha dito mal da sua roupa. Voltemos um pouco atrás: se bem percebi, quando a Pipoca escreveu a cascar na roupa da rapariga, não sonhava quem ela era, se tinha mãe, pai, irmãos, se estava sã que nem um pêro ou se tinha uma doença complicada. Disse mal da roupa, como faz tantas vezes, porque tem um blogue que é dela e critica a traparia, que é coisa que faz habitualmente com muita graça. Mas, mal soube da história, apressou-se a corrigir a mão e a PEDIR DESCULPA
Posto isto... não sei bem o que dizer.
Se calhar o melhor é não dizer mais nada e deixar-vos com ESTE texto, que diz tudo muito bem.

44 comentários

Comentar post

Pág. 5/5