Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Stomp

Já vi os Stomp várias vezes. Ontem fui de novo com a minha mãe. E nunca me canso.

Ver aquele grupo fazer música com as mãos, com os dedos, com os pés, com latas, tubos, carrinhos das compras, sacos de plástico, sacos de papel, jornais, vassouras, isqueiros, lava loiças pendurados ao pescoço, peças de borracha... é absolutamente incrível. E o ritmo que eles têm, e a dança, e a coordenação, e o crescendo em que aquilo vai que apetece saltar da cadeira e ir para lá dançar com eles. Brutal. 

Foi um dos meus presentes de Natal para a minha mãe mas fiquei com pena de não ter levado os miúdos. Tenho a certeza que teriam adorado. O pior seria depois aturá-los a fazerem chinfrim em todos os objectos de casa. Sim, porque é possível fazer música a partir de qualquer coisa. Só que é preciso muito talento.

stomp 1.jpg

 

2 comentários

Comentar post