Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Smile!

Começar o dia na L'Oréal, a ser maquilhada.
Chegar ao estúdio para as fotografias com um grande, grande amigo, de quem gosto daqui até ao espaço, apesar de não estarmos juntos tantas vezes como gostaria (sobretudo em trabalho, que nós trabalhávamos bem mas bem juntos).
Ter um ataque de fome (não supõem as fomes que me têm dado, credo!) e queixar-me ao de leve, e ter uma amiga mesmo querida a sair para me comprar cerejas. Grandes, vermelhinhas, estaladiças, doces e sem bicho! Comê-las a meio da sessão, de olhos fechados de prazer - não há outro momento na vida em que coma com este êxtase. Protestar por não ter jeito para a coisa - e as mãos, o que é que faço com as mãos, dêem-me lá outra cereja que sempre as ocupo!
E pronto. Passei a manhã a sorrir o meu melhor sorriso, em esforço e tensão, mas muito bem acompanhada. Assim custa menos.

4 comentários

Comentar post