Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

RIP 2 MY YOUTH

22780516_1826174891027426_3796092882135883764_n.jp

 

O meu amigo João Pico, que é realizador e produtor de vídeo (tem uma empresa chamada Comprimido), co-realizou um documentário sobre a vida de um transexual, com um grupo de estudantes da cadeira de produção audiovisual (no âmbito do mestrado). O documentário conta a história de Isaac, com todas as suas dores, lutas e conquistas, sem o colocar no papel de vítima. É um trabalho que todos deviam ver. Porque o problema da não aceitação começa pela ignorância. Tendemos a rejeitar aquilo que não conhecemos, aquilo que não entendemos, aquilo que nunca ninguém nos explicou. 

Em 2006 fiz uma reportagem grande para o Diário de Notícias em que acompanhei três transexuais e lembro-me que me impressionou muitíssimo esta questão de nascer num corpo errado. Não imaginam o que é ser uma mulher ou ser um homem mas ter nascido com o sexo errado. Essa não correspondência é de uma violência atroz. E só pode discriminar quem não faça puto de ideia do que está em causa.

O documentário vai passar no Auditório Orlando Ribeiro, em Telheiras, no dia 2 de Novembro (próxima quinta-feira) às 20.30. Vão lá, a sério. Deixo-vos o trailer:

2 comentários

Comentar post