Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

No meio da loucura, às vezes, surgem coisas muito sérias (e boas)

Foi o caso desta imagem. Aqui estou eu com duas pessoas muito importantes na minha vida. Amigos que são mais que amigos. Fazem parte de mim, de quem eu sou. Pessoas com quem cresci, em todos os sentidos. Com quem aprendi muito, com quem aprendo ainda, sempre.
E, de repente, vi esta foto no meio das outras e percebi que ela diz muito. Diz tudo. E destaca-se claramente das outras pelo nosso olhar. Aqui não fizemos macacadas nem caretas. Aqui encostámo-nos simplesmente uns aos outros e ficámos com aquela expressão de saudade de outros tempos, tão bons, mesmo que saibamos que melhor do que olhar para trás é seguir em frente. Ainda assim, eu cá gosto muito de olhar para trás. Sobretudo quando olho e vejo coisas tão boas como as que passei com estes dois. Mas enfim, o Pedro já diz tudo lá no poiso dele. Gosto muito de vocês, querida Anabela e querido Pedro.

3 comentários

Comentar post