Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Livros sem capa procuram leitores apaixonados para relacionamento sério

Sabia que a capa de um livro pesa,pelo menos, 60% no seu processo de decisão para o escolher? E quanto pesa aaparência física na escolha de um grande amor? 
E se as capas não existissem? Comoescolheriam os livros e as histórias pelas quais se apaixonam? É este o mote daação do Dia dos Namorados nos Alegro Alfragide e Alegro Setúbal.
Com o apoio da Leya e da Fnac, emplena época de S. Valentim, de 7 a 15 de fevereiro, os dois centros comerciais Alegrovão desafiar os seus visitantes a terem um envolvente Blind Date, mas comlivros.
O objetivo é que os visitantespeguem num qualquer livro com a capa escondida (todas estarão escondidas) eleiam as primeiras 10 páginas do mesmo, sem julgar a história pela sua capa. Estaexperiência pode ser vivida por solteiros, por casais apaixonados, e até nacompanhia dos elementos mais pequenos da família, que terão à sua disposição umcantinho de leitura infantil eatividades aos fins de semana.
São mais de 1.000 livros, impacientemente anónimos e a postos parasaltarem das prateleiras para as mãos dos leitores. Existirão ainda mensagensperdidas no interior dos livros, oferta de marcadores personalizados comfotografias tiradas no momento (exclusivo dias 14 e 15), cartões oferta Alegrono valor de 10 euros e promoções imperdíveis nos livros que escolher para terum relacionamento sério.

P.S. Os amores literários que já não têm lugar no seu coração nem na suacasa, poderá doá-los no próprio espaço para serem entregues a duas instituiçõeslocais.

Centro Comercial Alegro Alfragide e Centro Comercial Alegro Setúbal
De 7 a 15 de fevereiro 2015

Horários:
Sábados e domingos: das 10h às 21h
Segunda a quinta: 16h às 20h
Sexta: das 16h às 21h

Locais:
Junto às lojas Fnac


Confesso que adorei este press release, que me chegou a casa com um livro, com a capa escondida.
Acho esta ideia mesmo gira.
O livro que me tocou foi este:


6 comentários

Comentar post