Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Há quatro momentos em que o meu marido se transfigura (e não é bom de se ver)

1 - Em quase todas as segundas-feiras, sobretudo da parte da manhã.
2 - Na primeira semana depois das férias.
3 - Sempre que tem de apanhar cocó do cão.
4 - Quando está a preencher o IRS.

Não sei em qual dos momentos fica pior. Mas, dado que estou a olhar para ele neste momento, enquanto preenche o IRS online, diria que está bastante transtornado. Ia mesmo jurar que, há pouco, vi os seus olhos deixarem de ser castanhos para ficarem encarnados. E tinha dentes de vampiro. E exalava um forte odor a enxofre. 

8 comentários

Comentar post