Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

E ao segundo dia de escola...

… Madazinha chorou.
Diz que foi ali a seguir ao almoço. "Queria a mamã…" E, depois de lhe dar um abraço apertadinho, disse-me: "Sabes que eu te adoro, não sabes? Tu és só minha, pois és?"
Houve uma pequena explosão no meu peito mas disfarcei. Tornei a explicar-lhe que não sou só dela, coisa que sabe de ginjeira, mas que gosto dela como se fosse a única, porque no coração das mães todos os filhos são únicos. Ela protestou um bocadinho, diz que tenho de ser mesmo só dela, o que me leva a crer que o nascimento do irmão está a mexer-lhe com a caixa dos pirulitos. Mais um desafio para superar. Mas depois foi toda contente para casa, a rir e a brincar, como se pode perceber pela foto.

Uma mãe pode ter 20 filhos mas jamais se acostumará ao momento em que eles choram, na escola. 

18 comentários

Comentar post

Pág. 1/2