Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Correr como... bala

Acabo de correr 6 km. Não foi fácil trocar o meu sofá tão bem instalado em frente à lareira tão quentinha por uma corrida à chuva e ao frio, canário para isto. Acho mesmo que se o meu querido Nilton Bala não tivesse enviado uma mensagem a dizer: «Oiiiiiiiiiiii! 16hs treino, minha atleta! Quero o relatóriooooo!», teria assobiado alegremente para o ar e enterrado mais o rabo no sofá. Mas pronto, a gente recebe uma mensagem destas e faz o quê? Corre, pois claro. Está o senhor ali a apostar em nós, a acreditar que somos mais do que umas lesmas e vamos desiludi-lo? Não dá... não dá. Fica feio.
Para quem não saiba, o Nilton Bala é personal trainer no Porto, mais conhecido por «PT das estrelas», e eu conheci-o quando fiz uma reportagem para a Notícias Magazine. Falámos de desporto, ele começou a perguntar se eu tinha treinado, se não tinha, e agora parece apostado em transformar-me na Soraia Chaves do Parque das Nações. É verdade que está a 300 km de distância mas nem assim a sua motivação refreia. Obrigadaaaaa, Nilton! Amanhã há mais.

1 comentário

Comentar post