Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Comparação entre irmãos

O Manel tem em mãos um projecto qualquer online, do qual não nos conta nada. Diz que é segredo. Anda a prepará-lo há meses. Parece que é em Fevereiro que a coisa se dá. Teve muito boas notas no primeiro período, fala de política, lê livros interessantes, está um miúdo giro. O Martim ontem dizia:

- Acho que o Manel vai ter um grande futuro. Só penso se eu serei a ovelha negra da família. 

Nunca tinha pensado nesta questão, que se pode pôr aos irmãos. Olhar para o lado e temer não estar à altura dos irmãos ou da expectativa dos pais. Olhar para a vida e pensar que não se faz ideia do que se quer fazer quando se chegar ao mundo dos crescidos e essa incerteza dar uma valente dor barriga, sobretudo quando existe um irmão que parece saber o que quer e para onde vai.

Disse ao Martim para não ter essa pressão, que o futuro dele pode ser tão bom ou melhor que o do irmão, mesmo que ainda não sonhe com uma profissão ou uma área, sequer. E disse-lhe principalmente que mesmo que não escolha uma área convencional (acho mesmo que não devia escolher, porque é demasiado "fora da caixa" para ter um emprego padronizado, das 9h às 18h, sentado num escritório) pode ter muito sucesso, até porque o sucesso se mede (ou devia medir) pelo tamanho da felicidade que traz a cada um. Imagino-o muito mais a ser humorista ou backpacker ou DJ ou tudo junto do que a ser advogado, engenheiro ou gestor. 

Ainda assim, fiquei a saber que existe na cabeça dele esta pressão. Temos agora a tarefa de a tentar aliviar.

08a68fae-e4d9-499b-a0a1-1350c78efe1d.JPG

Foto: Afterclick

 

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2