Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Amor

Acordo. Preparo-me para ir acordar os miúdos. Vou ao quarto dela. Não a vejo. Não está. Onde se terá metido? Vou ao quarto deles. E é lá que a encontro, aninhada na cama do Martim, seu amor tão grande. Não sei quando terá ido para o quarto do irmão. No início da noite, a meio, ou mais pela manhã. Sei que dorme, profundamente, a seu lado. Há muitas coisas que me fazem feliz (sou uma fácil, na verdade). Mas este amor de irmãos está, sem dúvida, no topo da lista.

13 comentários

Comentar post