Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Ainda bem que vieste, mãe!

Ontem o Mateus pediu-me para ficar lá com ele na cama. Geralmente digo que não porque já sei que abrir um precedente corresponde a, nos tempos seguintes, deixar de poder ir para a sala vegetar à frente da televisão ou ler um bocado. Uma vez dito que sim fica difícil explicar porque é que, nas vezes seguintes, será não. Mas pronto. Ando um bocado sensível e, se calhar mais por mim do que por ele, deitei-me ao seu lado. Sorriu muito e exclamou:

- Ainda bem que vieste, mãe. Mãezinha.

Demos a mão e adormecemos, se não ao mesmo tempo muito perto disso. 

Às vezes mais vale ceder ao amor do que deixar que as regras levem a melhor. 

14 comentários

Comentar post