Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

...

Ah, faltou dizer que ainda faltava fazer os convites para a festa do rapaz, e o meu homem está ali à volta do computador que sobreviveu a desenhá-los e a imprimi-los. Eu já fui comprar o presente e já voltei. Engoli uma sopa. Meti a malta na cama, não sem antes lhes cortar as unhas (aos 3, o que faz doer a mão). O homem continua de volta dos convites, ainda nao despiu o fato, e ainda vai passear o cão. A Mada tem estado a chorar há horas, com uma birra que não se aguenta, e há bocado passei-me da marmita e mandei-lhe dois gritos. Ela fez um beiço e disse:
- Desculpa estar chata, mãe. Mas é que estou muito cansada...
- Oh filha, tens razão... Desculpa também a mãe. Eu também estou cansada.
- Eu sei. Adoro-te.
- Adoro-te.
E estamos aqui na minha cama, juntinhas até agora. Que filha mais ternurenta, esta.

7 comentários

Comentar post