Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

15

Foi há 15 anos que fui jantar com aquele que havia de ser o homem da minha vida. Nessa noite eu não o sabia. Mesmo quando ele me abraçou, de surpresa, já depois do jantar e das caipirinhas em Santos. Já passaram 15 anos, e cada ano que passa é melhor que o anterior, coisa que a mim me parece verdadeiramente mágica.

Segue daqui um agradecimento profundo ao Diário de Notícias, onde nos conhecemos. Foi nas escadas centenárias do número 266 da Avenida da Liberdade que nos começámos a cruzar e que, certo dia, ele me convidou para sair. Tenho um carinho enorme pelo DN, por várias razões. Esta é a maior de todas.

11 comentários

Comentar post

Pág. 1/2