Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

E o próximo encontro do nosso Clube de Leitura é...

No dia 28 de Julho, sexta-feira, na FNAC do Colombo. Malta.... este mês é um desafio porque falta mesmo só um mês (menos 1 dia)!

Em Agosto não haverá encontro.

 

O livro que vou ler é este:

IMG_1359.JPG

 

A Fnac deixa algumas sugestões de leitura:

- Para os que gostam de um selo de qualidade: o novo livro de uma vencedora do Man Booker Prize, Arundhati Roy. O livro chama-se O Ministério da Felicidade Suprema.

- Para fãs de mistério, o novo policial nórdico de Lars Kepler: O Porto das Almas

- Para os que adoraram o livro O quarto de Jack, chega o novo livro da autora (Emma Donoghue): O Prodígio

- Para os que ainda têm uma longa lista de clássicos por ler na mesa de cabeceira, e quando se assinalam 200 anos da morte da sua autora: Orgulho e Preconceito (Jane Austen)

Para os mais pequenos: Harry Potter e a Pedra Filosofal, de J.K. Rowling

(no dia 26 de Junho comemoraram-se os 20 anos do lançamento do 1º livro) 

 

Inscrevam-se no formulário aqui em baixo. 

Boas leituras!

 

Clube de Leitura: foi na sexta e foi mesmo bom

Confesso que vou para estes encontros sempre um bocado inquieta. E se não aparece ninguém? E se fico para lá na Fnac do Colombo como Santo António, a pregar aos peixes (neste caso, a pregar aos livros)?

Mas os meus queridos leitores voltaram a não me deixar ficar mal. Algumas pessoas vêm desde o primeiro encontro, mas muitas outras se juntaram. Relembro que no primeiro éramos 9, no segundo 15, e desta vez fomos 20! Vinte pessoas já é uma belíssima grupeta. E o que me deixa mesmo, mesmo feliz, é os testemunhos que tenho tido de quem já tinha perdido a rotina de ler e voltou em força por causa deste "compromisso". E também me deixou mesmo comovida a presença do Francisco, de 8 anos, também ele para resumir o que leu (e até o ataque de riso provocado pelos nervos foi uma delícia).

FullSizeRender-16.jpg

IMG_0986.JPG

Aqui ainda não tinham chegado todos os participantes e eu já estava em delírio com tanta participação

 

Eis os livros que foram lidos e apresentados:

Eu - O Meu Irmão - Afonso Reis Cabral

Francisco - O Menino que não Gostava de Ler - Susana Tamaro

Antonieta - O Meu Irmão - Afonso Reis Cabral

Beatriz - A Máquina de Fazer Espanhóis - Valter Hugo Mãe;

A Amiga Genial - Elena Ferrante (ainda a ler)

Isabel - A Amiga Genial - Elena Ferrante

Maria da Luz - Não acabou de ler mas veio na mesma, para assistir e porque para a próxima vai participar (verdade, Maria da Luz?)

Nuno - O Criado Secreto - Daniel Silva

Cátia - Crónicas de Mal de Amor - Elena Ferrante; O Centenário que Fugiu pela Janela e Desapareceu - Jonas Jonassson (ainda a ler)

Célia - A Viúva Negra - Daniel Silva; O Prisioneiro do Céu - Carlos Ruiz Zafon; Antes de te Conhecer - Lucie Whitehouse

Rita - Soldados de Salamina - Javier Cercas; Manual Para Mulheres de Limpeza, Lucia Berlin

Catarina - Solar - Ian Mcewan; Mister Gregory - Sveva Casati Modignani

Mafalda - O Pintassilgo - Donna Tartt

Andreia - Antes do Futuro - Jay Asher; Homem do Ano - Rodrigo Moita de Deus

Didi - Aparição - Vergílio Ferreira

Luísa - Numa Terra Estranha - Jhumpa Lahiri

Diana - Pentimento - Lillian Hellman

Rosa - Não trouxe o livro e vinha só para assistir porque leu Uma Terra Chamada Liberdade, de Ken Follet e não achou que fosse suficientemente interessante para falar sobre ele. Para a próxima já contamos com uma Rosa mais interventiva!

Fátima - O Rouxinol - Kristin Hannah

Isabel Sobrinho - A Sibila - Agustina Bessa-Luís; Manual para Salvar o Mundo - Rosa Monteiro; História de Quem vai e de Quem Fica - Elena Ferrante

Elisabete - A Verdade Sobre o Caso Harry Quebert - Joel Dicker

 

 

Além da Isabel, que mora em Setúbal e deixou o marido à seca durante 2 horas e meia para poder estar presente, também as manas Fátima e Rosa, e Diana, a filha de Fátima (e sobrinha de Rosa) vieram de longe para esta tertúlia, mais especificamente de Alenquer!!! Um obrigada ainda mais especial a estas pessoas que vêm de longe para estar neste clube de leitura.

Uma palavrinha também para a Isabel Sobrinho, que chegou meia hora atrasada porque foi para a Fnac errada. Quando chegou à Fnac do Chiado e não viu ninguém achou estranho. Foi ver o blogue e percebeu o equívoco. É preciso querer mesmo estar presente para, depois de um engano destes, ainda ter forças para ir para o sítio certo, do outro lado da cidade. 

Uma vénia a quem leu 3 livros, enxovalhando a malta que mal conseguiu acabar um. É assim mesmo, pessoas! Estou orgulhosa de vocês.

Foi mesmo bom ouvir falar destes livros, fiquei cheia de vontade de ler vários deles - Ok, o Pentimento não. A Diana teve a maior das graças a contar que não sentiu absolutamente nada com este livro. Desde que comprou o livro "501 livros que tem de ler antes de morrer", tem lido aleatoriamente a loooonga lista de livros. Já lhe calhou de tudo. Policiais, romances, livros de ficção científica. Já leu óptimos livros, bons, assim-assim e mesmo maus. Como não é mulher de largar um livro a meio... sofre. Foi o caso deste. Um sofrimento. Diana: fico a contar contigo para o próximo encontro! Espero que tenhas mais sorte na escolha do livro! 😂

 

E pronto. No final houve um sorteio e duas pessoas foram premiadas. Mas todas mereciam mais do que os bolinhos que tinha para oferecer. São os maiores!!!!!

IMG_1020.JPG

A Rita e a Elisabete já se tinham ido embora e, por isso, não ficaram na foto de família.

É ou não é uma bela grupeta?

 

O próximo encontro será no final de Julho. Em breve direi o dia.

Obrigada, Fnac, por nos acolher tão bem (beijinho especial ao Miguel Neves)

Clube de Leitura Cocó: foi tão bom!

IMG_8323.JPG

 

Foi na sexta-feira, na Fnac do Colombo. Estava um bocado apreensiva porque, depois de ter a Fnac interessada no Clube de Leitura e a ceder o espaço para nos encontrarmos, era chato se só aparecesse lá eu, tipo sermão de Santo António aos peixes. Na véspera enviei um email aos inscritos, a relembrar, e pedindo que não respondessem se fosse para dizer que o piriquito estava com gripe e que por causa disso iam faltar, para não me enervarem mais. Recebi algumas confirmações mas acabaram por aparecer mais pessoas do que as que responderam. Ufff! 

Éramos 15, ao todo. O responsável de comunicação da loja, Miguel Neves, recebeu-nos e foi uma simpatia. Tinha duas fileiras de cadeiras viradas para o palco, mas pedi-lhe para mudar a disposição daquilo tudo. Não queria nada ficar lá em cima, longe das outras participantes, nem ter de chamar quem quisesse falar ao palco, que é coisa que constrange. Não queria nada perder a intimidade que existiu no primeiro encontro, no The Woffice. Ele nem pestanejou. Claro que sim! Mudámos tudo, virámos as cadeiras umas para as outras e num instante se encheram de gente com os seus livros. Antes de começarmos ainda fui comprar uns bolos, porque prometi que isto era um clube de leitura com bolinhos e não gosto nada de falhar promessas.

IMG_8299.JPG

Aqui ainda não tinha chegado toda a gente mas já estávamos em animada cavaqueira

 

Eis os livros que cada participante leu e comentou:

Isabel OliveiraNem todas as Baleias Voam - Afonso Cruz

PaulaJesus Cristo Bebia Cerveja

          - Quando Perdes Tudo Não Tens Pressa Para Ir a Lugar Nenhum - Dulce Garcia

FilipaThe Rosie Project - Graeme Simsion 

Elisabete - A Rapariga de Antes - JP Delaney

Patrícia - O Risco Calculado - Robin Cook (livro que tinha lido para a sessão passada onde não pôde ir)

              - A Vingança Serve-se Quente - M.J.Arlidge

BeatrizA Máquina de Fazer Espanhóis - Valter Hugo Mãe

Ana - Os Rapazes de Zinco - Svetlana Alexievich 

RitaO Meu Ano Mágico - Nina Sankovitch

RicardoAs Velas Ardem Até ao Fim - Sándor Márai

Catarina - Jesus Cristo Bebia Cerveja - Afonso Cruz

Célia Vaticanum - José Rodrigues dos Santos

DidiO Meu Irmão - Afonso Reis Cabral

LuísaSputnik, Meu Amor - Haruki Murakami

Cátia - As boas raparigas não ganham ao amor. As más não desistem nunca - Talulah Riley

Eu - Jesus Cristo Bebia Cerveja - Afonso Cruz

 

Houve momentos muito bons, de reflexão, de partilha, que extravazaram os próprios livros. Ficámos a conhecer uma pessoa que é spoiler de si própria (a Catarina lê as primeiras 10 ou 20 páginas de cada livro e depois vai ler o fim, algo que revelou perante um aterrado "oooohhhh" dos restantes, e que fez com que passasse o resto da sessão na berlinda 😂).

O Ricardo contou como tinha sido importante ler um livro que fala da amizade, e que o fez reflectir sobre como os valores da amizade podem ser muito diferentes para cada um de nós.

Fiquei com muita vontade de ler "O Meu Irmão", tanta que confessei isso cá em casa e acabou por ser o meu presente do Dia da Mãe. O livro partilhado pela Elisabete deixou-nos a todas - acho - um bocado desconcertadas (deve ser um daqueles que se começa e nunca mais se consegue largar). A Luísa fez-me rir porque tinha acabado de ler Sputnik, Meu Amor, e só conseguia balbuciar um "estou triste, pronto, estou triste com este livro, estou traumatizada". Ah ah ah.

Foi mesmo giro, intimista, gostoso. A Célia, às tantas, disse uma coisa muito boa. Que só o facto de estarmos todos ali, duas horas e tal, a conversar sobre livros que lemos e sem ninguém tocar no telemóvel... já era um enorme ganho. E tem toda a razão.

IMG_8314.JPG

 

IMG_8310.JPG

 (o telemóvel está ali porque a Filipa leu o livro dela - "The Rosie Project" - em formato digital)

 

No final, a Fnac deu ainda um miminho: dois cartões para sortear, para a compra do próximo livro! 

Sorteio feito, quem ganhou foi a Patrícia e a Elisabete!

IMG_8320.JPG

 

E pronto! Foi um prazer!

Em breve anuncio qual o livro que estou a ler, ao mesmo tempo que lanço o formulário para se inscreverem no próximo encontro! Se for tão bom como os dois primeiros... sou uma mulher feliz!

Boas leituras!

 

Sábado foi também dia de... Clube de Leitura Cocó!

Da primeira vez que lancei o desafio de nos "obrigarmos" a ler um livro por mês, recebi imensos comentários a dizer que sim, que era óptimo, pessoas várias que também sentiam que os livros iam ficando postos de parte em detrimento de outras actividades mais estupidificantes e menos exigentes, e que era muito bom ter um estímulo para regressar às leituras. Inscreveram-se 150 pessoas no Clube de Leitura e eu pensei: quando for para juntar esta gente toda estou frita! Onde é que os meto? 

Depois, passou um mês. Um mês para a leitura do primeiro livro. Era chegado o momento de reunirmos, para conversarmos sobre as nossas leituras. Quando defini o dia e a hora já sabia que o número de pessoas ia encolher. Ou porque é o dia de anos da avó, ou porque estão a trabalhar, ou porque vão para fora de Lisboa, ou porque ainda não conseguiram acabar o livro, etc. É o normal nestas coisas. Então, assim foi. Inscreveram-se 30 pessoas (eu achava que tinham sido 26 mas depois, à última da hora, houve mais 4 inscrições, que não cheguei a ver e, por isso, não cheguei a enviar email com o local - peço desculpa pela falha!)

Depois, foram surgindo os imprevistos. E as pessoas que disseram que vinham e não apareceram. Feitas as contas, ficámos nove. E foi mesmo, mesmo, mesmo giro. Grupinho bom que ali se juntou. Acabou por ser uma reunião muito intimista, em que dos livros de passou para a partilha de experiências da vida, histórias de infância, gargalhadas, emoções. Levei bolinhos, alguns gentilmente oferecidos pela Ana Ramos, da Açúcar & Chocolate q.b., e havia chás vários e sumo.

IMG_7450.jpg

IMG_7464.jpg

IMG_7453.jpg

Bolachinhas da Açúcar & Chocolate Q.B. 

 

Três de nós lemos a Amiga Genial, de Elena Ferrante (eu, a Sílvia e a Isabel). A Beatriz leu O Homem de Constantinopla, de José Rodrigues dos Santos (sobre a vida de Calouste Gulbenkian); a Célia leu O Quarto de Jack, de Emma Donoghue; a Didi leu O Luto de Elias, de João Tordo; a Bárbara não acabou de ler Os Cisnes Selvagens, de Jung Chang (mas fez muito bem em ir na mesma e em contar o que já leu, que nos deu a todas vontade de ler também); a Ana resumiu As Altas Montanhas de Portugal, de Yann Martel, e a Sandra contou-nos a história de Viver Depois de Ti, de Jojo Moyes.

O encontro foi às 17.30 e ficámos até perto das 20h. Adorei.

meninas tertúlia.jpg 

livros tertúlia.jpg

 Daqui a um mês, mais coisa menos coisa, há novo encontro. Se for metade do bom que este foi... já é perfeito.