Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Parabéns, Madazinha

Foi há 4 anos que chegaste e, contigo, uma maré rosa invadiu a nossa casa. Era uma casa com mais homens do que mulheres e tu vieste equilibrar isso, com a tua feminilidade, com a tua doçura, com o teu feitio de mini-mulher. A tua chegada magoou muito o coração do mais novo mas tu soubeste conquistá-lo. O teu primeiro sorriso, daqueles mesmo evidentes, foi para ele. Hoje, o mano do meio tem uma adoração por ti que até lhe transfigura a expressão, o olhar, o sorriso. Não sorri para mais ninguém como sorri para ti. Quanto ao mais velho... nem há nada para dizer. Fará tudo por ti, para te defender, para te agradar, para te ajudar. És uma sortuda. Tens aqui 4 apaixonados por ti. Fora os outros, da família e fora dela, que vais conquistando.
Madazinha... 4 anos. É uma banalidade, um lugar-comum dizer que parece que foi ontem que nasceste. Na verdade não parece, já vivemos tantas coisas todos juntos. Mas, por outro lado, parece mesmo que foi ontem que nos olhámos pela primeira vez, aquele olhar mágico de descoberta e de amor único. Parabéns, Madalena!

75 comentários

Comentar post

Pág. 1/8