Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

O horror dentro do horror

Entre todo o horror da queda do avião nos Alpes, não consigo deixar de pensar nos pais do co-piloto que é agora o principal suspeito deste acidente. Os pais, que estavam a chorar a perda do filho e que, subitamente, têm de lidar com o facto de serem pais de um suposto monstro. Se vier a confirmar-se, como aparentemente tudo parece indicar, que o filho despenhou deliberadamente o avião, como lidar com um drama desses? Como sobreviver ao facto de ter um filho que eliminou 150 vidas e destruiu tantas famílias, sem sequer poder perguntar-lhe (ainda que a resposta nunca fosse satisfatória) "Porquê?"

Tenho 4 filhos. Espero nunca ter de lidar com a sua perda. E menos ainda com esta brutalidade de ter um filho-monstro, odiado pelo mundo inteiro.

9 comentários

Comentar post