Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Dentes incisivos: uma história de amor

A Mada foi à sua dentista de sempre (Drª Filipa Cordeiro) na MD Clinica e o óbvio foi confirmado: além de ter os dentes todos tortos (possivelmente por falta de espaço), tem mordida cruzada muitíssimo acentuada e a precisar de correcção urgente - o que, por si só, por vezes faz logo alinhar os dentes todos, sem ser preciso mais nada. 

Como a especialidade da Drª Filipa não é ortodontia, passou-a para a Drª Cristina Mourinho. E pronto, mais uma super querida, e lá ficámos de novo completamente rendidos a esta clínica em que cada nova especialidade ou cada médico por que passamos é uma boa surpresa. Gosto mesmo disto de haver um piso só para adultos e um piso só para crianças, e de num caso e no outro sermos encaminhados para diferentes especialistas, conforme o caso. 

A Drª Cristina Mourinho explicou então, há duas semanas, que o aparelho que a Madalena ia pôr ia alargar-lhe o espaço para os dentes do maxilar superior se endireitarem. E deu trabalho diário para casa. Uma espécie de chave para todos os dias de manhã e todos os dias à noite enfiar num buraquinho e alargar o aparelho (e o osso - MEDO). Uma coisa com um ar um bocado medieval, confesso, houve dias em que até me arrepiava a fazer aquilo, sobretudo quando ela arregalava os olhos durante o processo, como que a sentir o alargamento dos ossos (auchhhh). Mas a dentista, super habituada a lidar com crianças, desmontou todo o horror que aquilo parecia ser e contou uma história que eu achei maravilhosa:

- Sabes, Madalena, os teus dentes da frente vão afastar-se muito um do outro, durante estes 15 dias. Mas eles têm uma linda história de amor. E quando terminar este processo do alargamento, vais continuar com o aparelho na boca, e a seguir eles voltam a juntar-se. O espaço ganho continua lá, e os dentes que nasceram tortos, vão provavelmente alinhar-se porque ganharam lugar. Mas os dois dentes incisivos amam-se e não podem ficar afastados muito tempo, por isso, voltam a juntar-se. 

Achei lindo. Até quando falamos de dentes podemos criar histórias bonitas, que apaziguem um bocado o medo deles (e o nosso, vá).

dentes.jpg

 Ontem foi o último dia de alargamento. Relembro que foram 15 dias. Vejam só a diferença.

mada dentes 1:1.jpg

 Foto tirada dia 13 de Março

mada dentes 2:2.jpg

Foto tirada ontem, dia 27 de Março 😱

 

9 comentários

Comentar post