Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Cooking Through Generations, no Sheraton Pine Cliffs

Muito divertido, o jantar de ontem. Na nossa mesa ficou um casal muito giro (ela é uma jornalista que eu já conhecia mas com quem nunca tinha estado assim à conversa e tivemos uma daquelas empatias boas; ele é fotojornalista e um porreiraço, também). Tivemos algum azar porque ficámos mesmo ao lado do senhor que tocou toda a santa noite - ele tocava bem mas a coluna estava mesmo em cima de nós, de maneira que tivemos de conversar aos gritos e saímos dali com a cabeça um bocado encortiçada. O chef Marc Fosh apresentou quatro pratos e veio falar à sala antes de cada um deles, explicando o que íamos degustar de seguida

O primeiro prato foi uma sopa de amêndoa arrefecida, sardinhas marinadas e azeite, maçã verde e funcho.
Seguiu-se um robalo assado com salsa, alcaçuz e anchovas.
Depois veio um lombo de borrego com ervilhas frescas, presunto "Jabugo" e hissopo.
A sobremesa foi o melhor e o mais estranho: um creme de limão, duhkka doce, sorbet de cereja e água das rosas. A primeira sensação foi de horror mas depois foi-se tornando progressivamente agradável e acabou por se revelar mesmo bom.
E assim se passou a noite, entre gargalhadas, olhares mortais e pessoas espertas a descobrirem segredos. 

1 comentário

Comentar post