Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Amuleto das grávidas

No outro dia, recebi um presentinho da «Bolas, Maria». Era um «Chama de Anjos». Um fio com uma bola pendurada que, ao ser agitada, faz um suave tilintar . Na carta que a Maria enviou com o fio, vinha a explicação:

«Diz a lenda que há milhares de anos, uns duendes amigos de anjos tiveram que fugir da floresta. Os anjos ofereceram-lhes um amuleto. Explicaram aos duendes que sempre que se sentissem em perigo ou sempre que precisassem, deviam agitar o amuleto e esse som chamaria os anjos para os socorrer. Esse talismã ficou conhecido por Chama Anjos, que hoje em dia é usado em algumas culturas por grávidas para protegerem o bebé e a mãe, durante a gravidez.»

Ora... lendo isto... não podia ficar com o Chama Anjos para mim. Ofereci-o à minha irmã, que está grávida. Eu - já sabem - sou pouco de acreditar nestas coisas. Mas acho bonito. A minha irmã adorou e diz que não o tira até ter o seu bichinho ao colo. Espero bem que este «Chama Anjos» cumpra a sua função. Obrigada, Bolas, Maria.

5 comentários

Comentar post