Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

A pedido de muitas famílias: a receita da tarte de maçã

Aviso que a saquei de algures da internet, por isso, se a autora ou autor a vir aqui, escusa de atirar calhaus, falar em plágio, reclamar direitos de autor, e tal e coiso, que eu estou já a dizer que não é minha, não fui eu que inventei, que eu cá invento pouco, sobretudo no que toca a bolos. Certinho?

Ora então:

Ingredientes
6 maçãs reinetas
Sumo de 1 limão
1 ovo inteiro
2 gemas
150 g de açúcar
130 g de manteiga
170 g de farinha
2,5 colheres de chá de fermento
1 pitada de sal

Preparação
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Descasque as maçãs, corte-as aos quartos e, de seguida, lamine-as finamente. Regue com sumo de limão e reserve.
Coloque no copo da Bimby o ovo, as gemas, o açúcar e programa 2 minutos, 37ºC, velocidade 4.
Junte a manteiga e misture 6 segundos, velocidade 4.
Adicione a farinha, o fermento e o sal e programe 15 segundos, velocidade 3.
Deite a massa numa forma de fundo removível já untada, coloque em cima a maçã laminada, e leve ao forno durante 30 minutos.
Polvilhe com açúcar em pó e canela (opcional).

A receita original tinha vinho do Porto mas eu tirei, sem prejuízo, e juntei mais limão, com benefício (digo eu).

Com um chá de de maçã canela ou de Lúcia-lima… perfeito.
Também fica perfeito se juntarem chantilly caseiro frio, à tarte ainda quente. Uma colher de chantilly na borda do prato, para irem juntando colher a colher. A mistura do frio e do quente, das natas doces ao amargo da maçã e do limão… nhami! Eu não consegui porque o meu chantilly virou manteiga.

Espero que gostem!

9 comentários

Comentar post