Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Férias em Évora

Num dos quartos comunicantes dormem os três mais crescidos, no nosso quarto dormimos nós e o mais pequenino. Cada um dos quartos tem o seu terracinho com espreguiçadeiras e a piscina mesmo em frente, tudo com vista para o aqueduto.
O Manel em êxtase quando percebeu que o quarto tinha uma Xbox e jogos e mais um leitor de DVDs.

 
Estas bubble chairs fazem as delícias dos miúdos
 

 

 
Depois de ficarmos um bocado no hotel, a usufruir dos espaços, fomos passear por Évora, aproveitando um programa exclusivo que os hotéis M'Ar De AR criaram para os hóspedes, o VisitÉvora.
Trata-se de um bilhete único que permite visitar os monumentos mais emblemáticos de Évora e percorrer os locais com a ajuda de um mapa.
Não fomos a todos mas não perdemos a Sé Catedral, o Museu de Évora, a Igreja de São Francisco e a Capela dos Ossos, e claro, o Templo de Diana (para o qual não é preciso bilhete).







A minha mãe veio almoçar connosco. Escolhemos o infalível Fialho, onde comemos maravilhosamente. Não é fácil fazer dieta em Évora (e no Alentejo em geral) mas tenho tentado acompanhar tudo apenas com legumes (e fujo a sete pés de todas as sobremesas conventuais).



Três horas depois os miúdos deram um mergulho na piscina do hotel. E até o pequeno Mateus vestiu pela primeira vez os calções de banho.

 

Pág. 9/9