Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cocó na fralda

Cocó na Fralda

Peripécias, pilhérias e parvoíces de meia dúzia de alminhas (e um cão).

Correr, saltar, degustar

Só foi pena não estar um sol radioso. Mas, Algarve que é Algarve, não desilude no que à meteorologia diz respeito e, mesmo com aguaceiros, foi possível estar praticamente todo o dia ao ar livre e muito bem. O Sheraton Algarve Hotel & Pine Cliffs Resort (paragem para retomar fôlego, que os hotéis agora têm quase duas linhas de nome) realizou hoje o evento solidário "Pine Cliffs Goes Active - Ultimate Challenge": um dia inteiro dedicado a actividades desportivas ao ar livre (e o dinheiro angariado vai direitinho para apoiar a Santa Casa da Misericórdia de Albufeira).
Sobre a Praia da Falésia, o Tabu Garden Lounge foi o cenário idílico para este dia. Esta família de malucos aventurou-se na Zumba e no Body Combat. Havia outras actividades (Body Balance, Cycling Challenge de duas horas, Step) mas já não dávamos para mais.



Agora à noite, criancinhas adoráveis vão ficar com uma ainda mais adorável babysitter e nós vamos ao "Cooking Through Generations" com o chef britânico, detentor de uma estrela Michelin, Marc Fosh. Sim, que toda a gente sabe que o exercício… abre o apetite. Can't wait.

Anda cá, Manel, senta-te aqui a ver umas fotos

Acho que vai começar assim, a minha conversa com o Manel, a propósito das drogas. Às vezes, mais do que falar dos perigos, mais do que falar da adição (os putos acham sempre que controlam tudo, sabem lá o que é a adição!), do descontrolo, do caos, talvez seja mesmo ver o estado a que se chega. Ver a imagem do rosto, os estragos provocados na fisionomia (os putos são vaidosos e o prejuízo da sua imagem é algo palpável, concreto, que lhes toca especialmente). De maneira que este conjunto miserável de amostras me parece um bom ponto de partida para falarmos de drogas.














Quem tem uma madrinha assim...

A madrinha Raquel não podia ficar-se apenas pela chapa com o nome do afilhado e os números de telefone dos donos atrás. Não! A madrinha enviou também uma coleira, uns petiscos para pequeno Mojito e ainda uma tigela desdobrável para levar na trela - assim, quando formos correr e o bicho tiver sede, é só parar num chafariz, montar a tigela, enchê-la de água e servir o rapaz. Está a ficar um fino, é o que é.
Obrigada, madrinha!!!



Publicidade não enganosa

Andava aqui sem saber muito bem como dizer à D. Emília que para a semana chega um novo membro a esta família. Afinal, se há quem conheça bem a insanidade desta casa é ela. Por isso, de cada vez que ia abrir a boca para lhe contar, só de imaginar a sua expressão horrorizada, perdia logo o pio. Ontem, em conversa com os miúdos, percebi que o Martim, na sua excitação com este assunto, já lhe tinha contado. Encolhi-me, só de prever o diálogo, e oscilei entre o alívio de não ter de ser eu a dar a novidade e o pavor da sua reacção.
- E o que é que ela disse?
- Disse assim: "O QUÊ???" [expressão de pavor]
- Xiiii…
- Sim, ela ficou mesmo em choque, mãe.
- E tu, explicaste-lhe que tinhas sido tu a insistir muito? E que vais tomar conta dele?
- Sim! E avisei-a: "prepare-se, D.Emília, que ele vai fazer xixi e cocó por todo o lado! E vai roer tudo!"
- Possa! Também não era preciso teres contado logo o filme todo! Podias ter-te ficado apenas pelo trailer.
- Assim é melhor. Ninguém fica enganado.